Internação Involuntária em Santos

Quando a internação involuntária torna-se uma opção

Ao longo dos anos, descobertas científicas nos mostraram que a dependência química está mais ligada a um desequilíbrio químico do corpo, do que um desvio de caráter, como se era imaginado e estigmatizado antes. O dependente químico é portador de uma doença crônica e de avanço progressivo que pode comprometer a sua relação com o mundo, com as pessoas a sua volta, com a própria droga e até com si mesmo.

Trata-se de uma doença que precisa ser tratada e controlada. Para isso, os centros de recuperação trabalham com três modalidades de internação:

  • Voluntária: o dependente aceita o tratamento e, muitas vezes, toma a iniciativa para se internar;
  • Involuntária: ocorre sem o consentimento do dependente, geralmente a pedido da família;
  • Compulsória: determinada pela justiça quando o vício gera riscos à vida do usuário e de outras pessoas.

A luta contra as drogas é árdua e muitas vezes a família tenta dialogar com o dependente químico, mas esse não vê necessidade em iniciar o tratamento, sendo que essa doença já atingiu diversos níveis de sua vida. É nessa hora que a internação involuntária em Santos surge como uma opção.

Onde procurar internação involuntária em Santos

O Instituto Vitta trabalha com tratamento e ressocialização de pacientes com dependência química ao álcool e/ou outras drogas, e realiza internação involuntária em Santos. A partir de um tratamento humanizado e multidisciplinar, procuramos atender as necessidades específicas de cada dependente, pois cada situação é única e os pacientes podem ter níveis diferentes de dependência.

Entre em contato conosco e tire suas dúvidas!

Regiões de atendimento Instituto Vitta

Artigos feitos pela Instituto Vitta